CentralCoop

História do Cooperativismo 

Um Pouco Da História

O cooperativismo, ao contrário do que muitos pensam, não é um movimento novo. A primeira iniciativa de se construir uma cooperativa ocorreu em Rochdale, na Inglaterra, em 1844, em plena Revolução Industrial.
 
 

Faz Tempo não É?

As primeiras cooperativas surgiram em um ambiente de crise de desemprego, com problemas de distribuição de renda e condições de exploração. Assim, com objetivos claros e eticamente discutidos, um grupo de 28 tecelões fundou a "Sociedade dos Probos Pioneiros de Rochdale", que tinha como principal finalidade o homem não lucro.
 
Essa forma de sociedade prosperou ética e economicamente, funcionando de forma democrática e servindo de exemplo para outras iniciativas semelhantes, buscando construir uma sociedade justa, livre e com bases na democracia.
 
Tendo uma visão igualitária e social, o cooperativismo é aceito por todos os governos e reconhecidos como fórmula democrática para a solução de problemas econômicos, tendo hoje uma lei especifica para o seu reconhecimento: Lei federal nº 5764/71.
 

Cooperativas Pelo Mundo

Atualmente, o cooperativismo está presente em cerca de 90 países, sob a orientação da Aliança Cooperativa Internacional ( ACI ), primeira Organização não Governamental (ONG), a fazer parte do Conselho da ONU representando mais de 800 milhões de pessoas.
 

 Cooperativas no Brasil

No Brasil, o cooperativismo vem ganhando espaço e hoje já somos mais de 8.000 cooperativas, com mais de 5 (cinco) milhões de sócios cooperados, representando 6% do PIB (Produto Interno Bruto).
 
Hoje as Cooperativas brasileiras são responsáveis por:
• 75% do trigo, 41% da cevada, 40% do açúcar e 37% da soja produzidos no país;
• 52% do leite, e cerca de 38% de seus derivados e 43% das exportações de derivados.
 
 

Newsletter

Cadastre seu email para receber nossos informativos:

Contato

CENTRALCOOP - Central de Cooperativas de Trabalho.

  • Fone:  11 3799-0700

Redes Sociais

  Nós Estamos nas Redes Sociais.